segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Tugas na Polónia em Łódż (não gosto de Łódż!)

image Para que conste, não gosto de Łódż. Que fique inequivocamente esclarecido que não gosto de Łódż, pronto. É uma cidade velha, sombria, num palavra – feia. Admiro a coragem das pessoas que escolheram essa terra para viverem mas mais depressa encarava a possibilidade de regressar a Faro do que ter de me mudar para Łódż, cidade que me faz lembrar os arredores de Sosnowiec, outra terra cuja imagem deve ter inspirado Dante. As ruas acidentadas que são provação constante aos braços de suspensão dos automóveis não são, infelizmente, um exclusivo desta cidade mas uma linha de elétrico cruzar-se com a rodovia sem qualquer tipo de sinalização ou aviso luminoso é de bradar aos céus! Os carros têm de circular nas mesmas vias que os autocarros e adivinhar as intenções dos motoristas porque em caso de acidente o automobilista nunca tem razão, a faixa da esquerda é propriedade privada dos condutores mais lentos… Não gosto de Łódż.

Ontem fui lá devido a um encontro de portugueses participantes no Forum de Portugueses na Polónia do qual muito honradamente sou moderador, um encontro já falado há muito tempo mas que nunca tinha passado do papel de intenções. Devido à persistência de alguns, o encontro acabou mesmo por se realizar no centro comercial lá do sítio, o Manufaktura, à volta de mesas de cafés. Reconhecer os “Portugueses na Polónia” podia ser uma situação algo constrangedora, chegar assim do nada, pensar “será que são estes?” mas ao virar da esquina as coisas ficaram claras porque a mancha morena destacava-se no meio das louras que se sentavam diante deles. Facilmente localizados, os portugueses não enganam pois têm cortes de cabelo que só se faz em Portugal, usam blusas e calçam sapatos que só se vendem em Portugal e até se sentam como só se sentam em esplanadas de Portugal. Obviamente, namoram ou casaram-se com raparigas que… não há em Portugal :) Apresentações feitas a conversa rolou fácil entre pessoas que já se relacionavam há muito através da blogosfera, casos do Ricardo, do Daniel e do Rui, gente com muitos anos de Polónia e com experiências e dicas importantes para quem chegou há menos tempo, alguns até seguidores deste modesto pasquim cibernético. Contaram-se estórias daquelas que só quem vive neste país acredita, explicaram-se expectativas, falou-se de planos, trocaram-se pontos de vista e impressões sobre a vida dos tugas no fim da Europa.

Confirmei a boa impressão que tinha destes portugueses cujas vidas venho acompanhando há algum tempo, portugueses estabilizados e integrados numa sociedade muito peculiar de critério estreito e que seleciona severamente aqueles que nela triunfam. Torço para o sucesso desses e daqueles que há pouco chegaram à Polónia, um sucesso que não se augura fácil mas que também não é impossível pois parece-me uma questão de tempo até estes “tugas na Polónia” deixarem a sua marca indelével em Łódż e no País.

Łódż? Como diz a Ewa, é muito smutna (triste). Já mencionei que não gosto de Łódż?

5 comentários:

Geraldo Geraldes disse...

Łódż não é para meninos! Mas da minha opinião, uma coisa boa que a Manchester da Polónia tem são as pessoas (as que usam saias claro), acima do "normal" da Polónia. Só por isso acho justificável haver lá tantos portugueses, pois há dezenas de cidades polacas melhores para viver do que....Łódż.

PM Misha disse...

RAM (Rir A Montes, tradução algarvia do LOL)

Disso, caríssimo, também se falou em Łódż, cidade de que não gosto, e constatei eu pessoalmente. Ganham-se facilmente torcicolos no Manufaktura.

Ryan disse...

Sim e verdade... Ha cidades que e impossivel um Portugues gostar. Lodz, Katowice, Varsovia (desculpa Misha) e poders-se-iam mencionar mais. Mas obviamente em qualquer destas cidades os Portugueses ficam com os olhos tortos e problemas de pescoco... e porque nao mencionar com problemas de escolha... enfim... Epa eles nao podem ter tudo. Nos temos o pais... as gajas... comparando com as Polacas nao sao assim tao estonteantes...

Ricardo Taipa disse...

Pá... um gajo quando anda pelas ruas da "mean old city" está-se cagando para a arquitectura. :))

De qualquer modo já está mais ou menos combinada a tua próxima visita a Łódż e como a parte interessante vai ser depois do sol se por que se lixe o cinzentismo...

PM Misha disse...

ryan,
aceito que não gostes de varsóvia, a primeira vez que cá vim também não fiquei com grande impressão.

ricardo,
oxalá!