sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Já dizia o Pai Herodes…

Mão amiga e ótima cozinheira fez-me chegar a publicação “Mistérios da Vida Sexual” de A. de Bizando, um livro sobre “as leis que orientavam a felicidade sexual do homem e da mulher” do Portugal dos anos 70. Sendo a edição de 1971, ou seja, dois anos antes deste vosso humilde servo ver a luz do dia pela primeira vez, talvez seja curioso ver como era o papel dele e dela na cama do “Estado Novo”.

Desnecessária a analogia fácil de que pouco mudou porque antigamente era o “bota-de-elástico” quem fod… os portugueses enquanto agora temos os boys socialistas que nos fod…, este é um blogue de bons costumes e não enveredamos por aí, mas após aturada leitura em busca de elementos que pudesse usar nas minhas aulas – e escusado será dizer que nada encontrei – saquei esta pérola cujas ilações deixo à consideração do leitor. Ora, leia então o último parágrafo.

Sexo em Portugal

Posto isto, vou fazer a barba que hoje é sexta-feira.

3 comentários:

Rita disse...

E pronto, tá tudo dito! :) eheheheh Muito bom!
Beijocas

zekarlos disse...

Aproveitando o tema deste post, encontrei, há uns tempos em Lisboa, numa dessas "feiras do livro manuseado", um pequeno livro com o sugestivo título "Manual de Civilidade para Meninas"...
Escrito por um tal Pierre Louys, nada me faria suspeitar o quão "barrasco" é.
E não querendo parecer o Professor Marcelo, deixo aqui um link para os mais curiosos:

http://laundrylst.blogspot.com/2007/06/manual-de-civilidade-para-meninas.html

Boas leituras

_neL_ disse...

isto meus senhores secalhar é como se costuma dizer: "os antigos é que sabem"...lolol