segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

And the Oscar goes (not) to...

Havia grande expectativa na Polónia em relação à noite de Oscares deste ano. O filme polaco Katyń concorria para a categoria de melhor filme estrangeiro e era consensual a idéia de que poderia mesmo arrecadar o prémio.

Agora todos sabemos que o galardoado não foi o filme polaco e as reacções não se fizeram esperar. Desde a atribuição do insucesso às "americanices" dos juízes, passando pela pouca curiosidade despertada no mercado externo, até ao melindre do tema do filme (Katyń narra o massacre infligido pelo Exército Vermelho durante a 2ª Guerra Mundial a oficiais e intlectuais polacos na floresta com o mesmo nome), diversas explicações foram dadas para a preferência da Academia por outra película.

Na minha opinião a melhor justificação foi dada por um senhor polaco de voz áspera e feições rudes que vi na TVP1. Dizia ele:
"Se o Katyń fosse protagonizado pelo Robert DeNiro tinha ganho o Oscar"

Não sei porque ainda não vi o filme, aguardo edição em DVD devidamente legendada pelo menos em inglês, mas não me surpreende que esse tenha sido um critério de exclusão.

2 comentários:

Zé do Benfica disse...

Parece-me que o filme que ganhou, pelo trailer, nem é mau de todo. Acho que vem no mesmo fio temático do Katyn. De qualquer forma ao menos teve uma nomeação e obviamente fiquei a saber cosias relativas a esse período negro da história deste país que nunca soube.

Tiagowski disse...

O DVD que vendem no Empik por 50PLN tem legendas em Inglês...